Tamanho do texto

O combate entre Jussier Formiga e Deiveson Figueiredo acontece no UFC Fight Night 148 acontece neste sábado (23), em Nashville, nos EUA; confira

O UFC, maior evento de MMA do mundo, realiza neste final de semana um grande evento em Nashville no estado norte-americano do Tennessee, o UFC Fight Night 148 que colocará frente a frente o ex-campeão peso-leve do Ultimate Anthony Pettis fazendo a sua estreia no peso meio-médio contra Stephen Thompson. E apesar da importância deste combate é um duelo verde e amarelo que vem movimentando as apostas no UFC.

Confronto brasileiro movimenta as apostas no UFC
Reprodução
Confronto brasileiro movimenta as apostas no UFC


Trata-se do combate entre Jussier Formiga e Deiveson Figueiredo, que se enfrentam pela cambaleante divisão dos pesos-mosca. E segundo os sites de apostas do mundo todo, como por exemplo o Betz Club , é o invicto Deiveson o favorito para ficar com a vitória para quem quiser se arriscar nas apostas no UFC .

Este é um combate que vem chamando a atenção por que pode, em teoria, definir o próximo desafiante ao cinturão peso-mosca do UFC que atualmente está nas mãos de Henri Cejudo.

O brasileiro Jussier Formiga é apontado como provável próximo desafiante se vencer, já que é o atual primeiro colocado do ranking da divisão e vem de uma sequência de três vitórias consecutivas.

Deiveson Figueiredo é atualmente o quarto colocado do ranking peso-mosca e está invicto em sua carreira no MMA, com 15 vitórias em 15 combates, sendo quatro delas pelo UFC onde estreou em 2017.

Leia também: Fim de semana traz a primeira chance de apostar na Fórmula 1 em 2019

Na teoria este combate credenciará o vencedor a disputar o cinturão da categoria, mas na prática crescem cada vez mais os boatos de que o presidente do UFC Dana White irá encerrar a divisão dos pesos-mosca, demitindo alguns lutadores e subindo alguns de categoria, como o próprio campeão Henri Cejudo.

Confronto brasileiro movimenta as apostas no UFC
Reprodução
Confronto brasileiro movimenta as apostas no UFC


Os boatos ficaram ainda maiores com a confirmação de que Cejudo irá ser o próximo desafiante do cinturão peso-galo, a divisão de cima, e ganharam mais eco com as recentes declarações de Dustin Ortiz, recém demitido do UFC que disse em entrevista após deixar o evento:

"Realmente acredito que eles estão deixando os caras lutarem até acabar o contrato. Quando perderem, eles vão liberar o atleta do contrato e finalizam com o anúncio de que Henry está subindo para os galos e que não haverá mais lutas entre pesos-moscas no UFC. Vai ser assim. É muito desanimador para todos os lutadores que deram tudo de si pelo esporte serem descartados com tanta facilidade"

Enquanto os boatos não são desmentidos ou confirmados, os brasileiros mantêm a esperança de título e  entrarão com força total no octógono neste sábado, um prato cheio para quem é fã das apostas no UFC .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.