Tamanho do texto

A primeira disputa de cinturão em 2019 do UFC será uma super luta com o campeão da divisão dos pesos galo TJ Dillashaw e Henry Cejudo; confira

O ano terminou com grandes emoções no UFC 232 onde tivemos duas lutas valendo título, incluindo a disputa do título vago do peso meio-pesado que acabo ficando com Jon Jones e a super luta entre as brasileiras Amanda Nunes e Cris Cyborg, em um duelo entre duas campeãs. Agora o  mês de janeiro começa da mesma forma, com a primeira disputa de cinturão no UFC em 2019.

Veja como lucar na primeira disputa de cinturão no UFC em 2019
Reprodução
Veja como lucar na primeira disputa de cinturão no UFC em 2019


Assim como 2018 terminou com grandes emoções a primeira disputa de cinturão no UFC em 2019 também será uma super luta com o campeão da divisão dos pesos galo TJ Dillashaw descendo de divisão para disputar com o também campeão Henry Cejudo o título dos pesos-mosca no Barclays Center em Nova York no dia 19 de janeiro.

Confira abaixo os principais destaques e por que você não deve perder o UFC Fight Night 143:

- Super luta principal

O UFC nos últimos anos perdeu quase todos os seus grandes ídolos, seja por aposentadoria ou escândalos. Por isso, vem apostando em colocar campeões contra campeões em busca de mais audiência e tentando criar novos ídolos.

Conor McGregor, Daniel Cormier e mais recentemente Amanda Nunes subiram de divisão e enfrentaram os campeões da categoria de cima, conseguindo o título em duas divisões diferentes e abrindo mão do título em suas categorias de origem.

Primeira disputa de cinturão no UFC em 2019  Henry Cejudo e TJ Dillashaw
Reprodução
Primeira disputa de cinturão no UFC em 2019 Henry Cejudo e TJ Dillashaw


Desta vez a história é diferente TJ Dillashaw desce uma divisão para enfrentar Henry Cejudo com total favoritismo para ficar com o título segundo o site de apostas esportivas Betz Club .

- Muitos brasileiros em ação

O UFC Fight Night 143 terá um verdadeiro exército de brasileiros em ação: nada menos do que 4 atletas nascidos no país irão lutar em Nova York. O primeiro deles é John Lineker, que tentará a terceira vitória consecutiva contra Cory Sandhagen.

O segundo brasileiro a entrar em ação será Vinícius Castro, que enfrentará Alonzo Meinfield pelo peso meio-pesado. As mulheres também estarão representadas por Ariane Lipski, que enfrenta a escocesa Joanne Calderwood pelo peso mosca feminino.

Único brasileiro em ação no card principal da noite, o ex-desafiante ao título Glover Teixeira tentará voltar a vencer enfrentando o atleta da Moldávia Ion Cutelaba.

- O início de uma nova era para o UFC

Aqui no Brasil não veremos a mínima diferença, já que os direitos de transmissão de evento continuam sendo exclusivos do Canal Combate e do SporTV. Porém, para o público norte-americano e para o evento em si é o início de uma nova fase já que marca o primeiro evento do UFC que será transmitido pela ESPN americana, em um acordo milionário firmado entre as duas companhias.

Leia também: Comece 2019 com apostas na Copa São Paulo de Futebol Júnior

A primeira disputa de cinturão no UFC em 2019 será apenas o primeiro capítulo desta parceria que promete ser lucrativa para ambas as partes.

    Leia tudo sobre: Luta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.