Tamanho do texto

Pelo Facebook, o ex-jogador argentino anunciou que está processando a desenvolvedora japonesa depois de descobrir que seu nome está no game

O ex-jogador argentino Diego Maradona usou o Facebook nessa quinta-feira (30) para anunciar que entrou com um processo contra a Konami . Segundo o craque, a desenvolvedora usa sua imagem sem autorização no PES 2017 .

Leia também: 20 jogadores bons e baratos do Football Manager 2017

Maradona aparece em tela do PES 2017; argentino está processando a Konami, produtora do game
Reprodução
Maradona aparece em tela do PES 2017; argentino está processando a Konami, produtora do game

"Fiquei sabendo ontem que a companhia japonesa Konami usa minha imagem no jogo PES 2017. Infelizmente, meu advogado Matias Morla irá começar as ações legais. Espero que não seja mais um golpe", escreveu Maradona em sua página na rede social.

No game, o jogador argentino aparece no modo myClub, em que os jogadores podem construir um elenco dos sonhos com atletas atuais e do passado. Além dele, nomes como Ronaldinho Gaúcho, Ronaldo, Rivaldo e Gary Lineker aparecem nesse modo de jogo.

De volta aos games

O craque argentino é figurinha carimbada nos games de futebol que gostam de resgatar o passado, como PES e FIFA. Considerado um dos grandes atletas de todos os tempos, ele foi campeão da Copa do Mundo de 1986 e vice em 1990. O atleta ainda ganhou campeonatos nacionais pelo Boca Juniors, Napoli e Barcelona, além de ter sido eleito pela FIFA o 5º maior atleta do século, perdendo para Pelé, Johan Cruijff,  Franz Beckenbauer e  Alfredo Di Stéfano.

Leia também: Konami libera patch de dados do PES 2017 com homenagem à Chapecoense

Em 2010, quando treinou a seleção argentina na Copa do Mundo, na África do Sul, o ex-jogador também apareceu no 2010 FIFA World Cup South Africa, o game oficial do torneio. O título foi o primeiro a mostrar os treinadores reais das seleções.

Depois do fracasso na Copa, quando a Argentina foi eliminada nas quartas-de-final após tomar 4 a 0 da Alemanha, o ídolo foi demitido. Ele seguiu a carreira de treinador e dirigiu o Al-Wasl, dos Emirados Árabes Unidos, por uma temporada, mas não treina nenhum clube desde 2013.

Leia também: Milton Leite é o novo narrador do PES: "Tive que trazer a TV para o jogo"

A Konami ainda não se pronunciou sobre o processo movido por Diego Maradona.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.