Tamanho do texto

Ronaldo Fenômeno e André Akkari falaram sobre a decisão de entrar na sociedade da CNB eSports nesta quarta-feira (01)

Na última quarta-feira (01), o campeão mundial de poker, André Akkari, e o ex-jogador de futebol Ronaldo Fenômeno explicaram que a decisão de entrar na sociedade da CNB eSports foi pensada a partir de uma vontade muito grande de entrar no mundo dos esportes eletrônicos. E, após muitas discussões e conversas, decidiram pela equipe profissional CNB pelo fato de ela ser a que tem mais tradição dentro dos eSports - como League of Legends, Counter Strike: Global Offensive, DOTA, FIFA e outros.

Leia mais: Nintendo 64 completa 20 anos no Brasil e ainda tem lugar no coração dos fãs

Ronaldo Fenômeno é o novo sócio da CNB e-Sports
Divulgação
Ronaldo Fenômeno é o novo sócio da CNB e-Sports


"Pintou essa oportunidade de entrar na CNB e ela é a equipe que tem mais tradição. Eu tenho filhos meninos que gostam de jogos eletrônicos, então, foi muito fácil entender o negócio em que eu estava entrando", afirmou o Fenômeno. Amigos de longa data por causa do poker, Akkari concorda que a dupla escolheu a melhor equipe para investir, pois "a CNB é top", garantiu.

Apesar de essa ter sido uma decisão em conjunto, as formas como os novos sócios do clube irão atuar será bem diferente. Ronaldo pretende atuar na motivação dos jogadores, mas não acredita que tem muito a acrescentar à equipe, uma vez que o clube já possui uma equipe completa, que conta com coachs, treinador, técnico e até mesmo um psicológo - exatamente como nos times de futebol, conforme ressaltou o astro da Seleção. "Quem sabe, eu não entro algum dia para ajudar a equipe a vencer!", brincou o craque.

Leia mais: Descoberta da Semana: Resolva as dispustas do reino em duelos com Marble Duel

Já Akkari afirmou que aceitou estar na parceria do clube porque sabia que não teria que comandar o dia-a-dia dos treinos e competições. Isso porque o campeão mundial de poker tem uma rotina puxada - ele passa oito meses do ano viajando pelo mundo para jogar no campeonato mundial de poker, e sua carreira deverá ser seu foco pelos próximos dez anos. "Não vou estar envolvido na administração. Minha conexão vai ser mais no jogo, torcendo pelos garotos já no próximo sábado", explicou, em referência à terceira fase do primeiro split do CBLoL 2017.

Além disso, o evento também foi palco de um debate entre especialistas nos eSports, que comentaram sobre o crescimento do setor de games - e mais, especificamente, dos esportes eletrônicos - no Brasil e no mundo. Também foram anunciados novos projetos da equipe, como o programa de sócio-torcedor, que será lançado oficialmente ainda no primeiro semestre deste ano e que dará direito a uma série de vantagens mediante o pagamento de uma mensalidade, como um cartão de crédito pré-pago internacional e personalizado, que visa facilitar a compra de jogos online através de serviços como o Steam.

Leia mais: Horizon Zero Dawn está em fase gold, de acordo com o diretor

Ao final da apresentação desta nova parceria entre os astros André Akkari e Ronaldo Fenômeno e a CNB eSports, eles jogaram uma partida de League of Legends no servidor próprio da equipe - que terminou com a vitória do craque de futebol por um a zero.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.