Tamanho do texto

Deus Ex não deverá mais ser a prioridade da desenvolvedora pelos próximos anos, já que há contratos com a Marvel e com um novo game de Tomb Raider

A franquia Deus Ex deverá entrar em um hiato pelos próximos anos. Isso porque, de acordo com o site Eurogamer , Adam Jensen deixou de ser a prioridade da Eidos Montreal , a desenvolvedora responsável pelo jogo, que está envolvida com outros projetos - como os novos games que irão surgir da parceria entre a Marvel e a Square Enix .

Usuários do YouTube podem jogar Resident Evil 7 na plataforma

Deus Ex ganhará hiato de alguns anos
Reprodução/Youtube
Deus Ex ganhará hiato de alguns anos

Além disso, outro fator que colaborou para que a franquia Deus Ex não receba novos games pelos próximos anos foram as baixas vendas de Mankind Divided, o último capítulo já lançado da saga de Jensen. A Eidos Montreal está desenvolvendo três games simultaneamente. O primeiro é o já anunciado jogo de The Avengers - em que a companhia auxilia a Crystal Dynamics no projeto.

+  Mass Effect: Andromeda ganha novo trailer cinematográfico

Paralelamente, há o novo game de Lara Croft, intitulado Shadow of the Tomb Raider, que será a ainda não anunciada continuação de Rise of the Tomb Raider. E há ainda um projeto de produzir um game inspirado no filme "Guardiões da Galáxia" - que, de acordo com boatos, estaria nos estágios iniciais de produção.

Ainda de acordo com o Eurogamer , a franquia de Adam Jensen deveria contar com  um terceiro jogo, que encerraria a trilogia iniciada em Human Revolution e os ganchos deixados por Mankind Divided. A ideia original era que a história se fechasse no último game já lançado, contudo, boa parte da história foi cortada para que o game fosse lançado a tempo. Vale ressaltar que o projeto levou cerca de cinco anos para ficar pronto.

PS4: Saiba tudo sobre o console mais popular da Sony

O último game lançado: Mankind Divided 

Deus Ex: Mankind Divided foi lançado em 2016, e é uma sequência direta de seu antecessor, Deus Ex: Human Revolution, e apresenta um futuro pós-apocalíptico e distopico, em que a sociedade está dividida entre aprimorados (que receberam tecnologia em forma de implantes desenhados para serem controlados pelos sinistros Illuminati) e não-aprimorados. De acordo com críticos do game, isso pode ser entendido como uma crítica à sociedade atual. O game está disponível para PS4, Xbox One e Microsoft Windows.

    Leia tudo sobre: PS4
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.