Tamanho do texto

A gigante dos videogames anunciou em seu Twitter que o Nintendo Switch terá uma quantidade limitada para pré-venda em Nova York, nos EUA

Para empolgar o público antes da apresentação oficial do Nintendo Switch, a gigante dos videogames fará uma ação inusitada: uma quantidade limitada do console entrará em pré-venda em Nova York, nos Estados Unidos, nesta sexta-feira (13). A informação foi divulgada através de uma publicação no Twitter , na conta oficial da Nintendo .

O que sabemos até agora sobre o Nintendo Switch

Nintendo Switch
Divulgação/Nintendo
Nintendo Switch

Além de ter dito que as encomendas poderão ser feitas no mesmo dia que a apresentação, a empresa não divulgou o preço ou mesmo quantas unidades do Nintendo Switch estarão disponíveis para a pré-venda.

"Uma quantidade limitada de pré-vendas do Nintendo Switch serão vendidas em 13/01 enquanto durarem os estoques na #NintendoNYC", afirma o tuíte, em tradução livre.

Microsoft continuará investindo em games exclusivos após fracasso de Scalebound

As expectativas para o lançamento do novo console da Nintendo são grandes. Entre o que se espera que a empresa divulgue, estão as especificações técnicas do pequeno console.

O que já se sabe sobre o console

Até o momento, poucas informações sobre o videogame foram divulgadas pela Nintendo. Entre elas, o fato de que este será um console híbrido e portátil, com partes destacáveis. Além disso, jogos das franquias Super Mario e The Legend of Zelda estão confirmados, bem como como Skyrim: Definitive Edition e NBA 2K17.

A informação de que a trava de localização comum aos consoles da japonesa não será aplicada a este console também foi confirmada, para a felicidade dos gamers. Isso significa que será possível adquirir o console na Europa e rodar games comprados nos Estados Unidos, por exemplo.

+  Pokémon GO é proibido na China por oferecer riscos à segurança

Outra informação confirmada pela desenvolvedora é que o Nintendo Switch marcará o retorno da Big N aos cartuchos, graças a sua facilidade de transporte e armazenamento, sem contar o fato de que esse tipo de mídia tem menos riscos de sofrer danos aos conteúdos quando comparada com os discos. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.