Tamanho do texto

Segundo decisão do governo do Irã, o jogo pode encorajar violência e conflitos tribais. No país, jogadores não conseguem mais acessar o game

Lançado em 2012 e distribuído no ano seguinte para aparelhos IOS e Android, o jogo para celulares “ Clash Of Clans ” foi banido do Irã em decisão divulgada pelo governo iraniano na última terça-feira (27). O parecer foi decretado depois de uma denúncia de psicólogos do país que afirmaram que o jogo poderia encorajar violência e conflitos tribais. Além disso, foi também alarmado que o aplicativo poderia afetar as famílias de forma negativa, já que os adolescentes poderiam ficar viciados com o jogo .

No Irã, o jogo
Reprodução
No Irã, o jogo "Clash Of Clans" foi banido pelo governo


Leia mais:  Oito games lançados e esquecidos em 2016

Em pesquisas realizadas anteriormente no país, os resultados apontaram que 64% dos gamers de celular no Irã eram usuários do jogo. Para contornar o problema, algumas pessoas sugeriram que o jogo fosse restringido de acordo com a idade dos jogadores, mas não para o público em geral. Entretanto, alguns dos sites fãs do jogo no Irã reportaram que muitos jogadores tem enfrentado problemas para acessar o aplicativo.

Leia mais:  Retrospectiva: os dez melhores jogos para PC lançados em 2016

O Irã, por sua vez, já tem um histórico recorrente de bloquear os games no país. O aplicativo “Pokemon GO”, lançado este ano e que se tornou viral em todo o mundo foi um dos jogos que o país decidiu também proibir. O governo alegou que o uso de sistema de localização requerido pelo jogo poderia causar problemas de segurança.

Leia mais:  Pokémon GO bate recorde e arrecada US$ 600 milhões em três meses

“Clash Of Clans”

O jogo criado pela Supercell, tornou-se um febre mundial e mesmo depois de três anos do seu lançamento, “Clash Of Clans” é um dos dez jogos mais rentáveis para celular. O game de estratégia propõe ao seus jogadores a criação de vilas e a suas administrações, desde buscar cada vez mais melhorar a vida dos seus habitantes como também defendê-las de ataques de invasores de outros jogadores. O game, que funciona online, também possui heróis que são um tipo especial de tropas e são desbloqueados conforme o nível que o jogador atinge durante as partidas. Segundo a desenvolvedora Supercell, em 2016 atingiu o número de 100 milhões de pessoas que se envolvem com os seus jogos diariamente.   

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.