Tamanho do texto

Gamer dos Estados Unidos teve acesso ao protótipo do Xbox One dois meses antes do lançamento oficial por erro bizarro da Microsoft; entenda

O Xbox One foi lançado oficialmente em maio de 2013, mas era de se esperar que algumas pessoas tivessem acesso ao console antes disso. O que não era esperado era que um consumidor comum tivesse acesso ao game dois meses antes do lançamento por um erro da Microsoft.

Leia mais: Xbox Live é mais rápida e mais confiável que Playstation Network

Xbox One foi lançado em maio de 2013, mas comprador americano teve acesso ao console antes por erro da Microsoft
Divulgação
Xbox One foi lançado em maio de 2013, mas comprador americano teve acesso ao console antes por erro da Microsoft

Um artigo do jornal americano "Business Insider" revelou que em março de 2013 um sortudo jogador recebeu um protótipo do Xbox One por engano. Na época, Jia Li comprou um notebook pela internet, mas teve uma grande surpresa na hora de abrir o pacote com sua encomenda: um dispositivo com a superfície listrada e o nome de Durango.

Li não sabia o que era o Durango, nem boa parte dos gamers: este era o codinome do novo console da Microsoft, que seria lançado só em dois meses. O game tinha até uma etiqueta indicado que o produto não podia ser vendido porque era uma versão beta, ou seja, apenas para testes.

Leia mais: Microsoft anuncia programa de troca de Xbox 360 no Brasil

De acordo com Ben Gilbert, que assina o artigo do "Business Insider", o rapaz entrou em contato o site "Engadget", onde o jornalista trabalhava na época, para contar o que havia acontecido. Assim que soube do erro que havia cometido, a Microsoft fez de tudo para reparar a situação: um representante da empresa foi à casa de Li para recuperar o console e deu a ele um Xbox 360 equipado com um Kinect, além do notebook que o americano tinha comprado.

Negociação com a Microsoft

Jia Li recebeu um protótipo do Xbox One por engano
Reprodução/Business Insider
Jia Li recebeu um protótipo do Xbox One por engano

O erro nunca foi explicado pela empresa de Bill Gates, mas a razão da história ter sido divulgada mais de três anos após ter acontecido foi desvendada.

Leia mais: Sony anuncia lançamento de novas versões do PlayStation 4

Gilbert revelou que o site "Engadget" fez um acordo com o corporação: eles não publicariam a história e em troca teriam acesso exclusivo ao Xbox One para fazer uma matéria antes dos outros veículos especializados em games.

O fato é que o erro maluco da Microsoft só foi divulgado três anos depois e não prejudicou em nada o lançamento do Xbox One: o console vendeu mais de 20 milhões de unidades em todo o mundo desde seu lançamento e já teve até uma versão mais poderosa lançada, o Xbox One S. Mas a história de Jia Li alimentou a esperança de todos os gamers do mundo: sempre que eles fizerem compras pela internet, terão uma expectativa mínima de receber um protótipo de um console da próxima geração.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.